Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

08.Out.18

corações grandes, desilusões maiores

espaço da raquel
As desilusões que vamos tendo ao longo da vida são muitas, sejam elas no trabalho, na vida pessoal, com amigos, até com familiares. Acho que tenho um alvo para estas situações menos saudáveis, e que muitas das vezes me deixam no chão. Importo-me demais com os outros, e nunca espero que os outros não façam o mesmo comigo, não compreendo o porquê de não respeitarem os meus sentimentos, e de se porém no meu lugar, o que é certo é que na maioria das vezes não o fazem.  Ult (...)
04.Out.18

Numa qualquer costa por aí.......

espaço da raquel
Há publicações que nos fazem sonhar, outras rir, com algumas deitamos lágrimas, às vezes de alegria, outras vezes de dor, e tristeza. Umas dão conta de sonhos, projectos, e desejos de vida. Outras quantas de algumas amarguras da vida, de muitas dificuldades, de doenças que nos deitam ao chão, e arrasam a vida de muitas famílias.Mas há fotografias, e dramas de vida, que quando as vemos sentimos que nos deram um valente murro no estômago, e para além da dor física, fica a (...)
14.Mai.18

sou de apetites !!!!!!!!!!!

espaço da raquel
por isso mesmo agora era enfardar como se não houvesse amanhã uma bela dose de choco frito, um vinho branco bem fresco, e uma dose gigantesca de batatas fritas. (tudo isto para não meter os dedos na ficha, acordar para a vida, e manter-me atenta para as rasteiras que me tentam dar todos os dias)
05.Fev.18

feromonas mas das más

espaço da raquel
Grande e profunda verdade, ainda não está provado, mas, a cada dia que passa, torna-se mais evidente que quando estamos mais desanimados, irritados, desmotivados, cansados, (que porra, pronto tudo o que acabe em sentimentos menos bons)  conseguimos ser captados ao longe por aquelas personagens, quase tiradas de um filme de terror, e que escolheram consagrar a sua vidinha a lixar-nos a cabeça. O meu gene do mau feitio topa esta porra há distância, e quando digo, hum, hoje não vai (...)