Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

23.Jan.20

A ‘playlists’ de um cão chamado Loy

espaço da raquel
Como sabem o Spotify é uma aplicação de música, e há pouco tempo pensou em criar ‘playlists’ a pensar nos animais de estimação dos utilizadores, e a mais recente pode muito bem ser uma das mais divertidas. E tudo começa com a escolha do animal de estimação para o qual queremos criar a ‘playlist, e estão disponíveis cinco opções de animais: cães, gatos, hamsters, pássaros e iguanas. Uma vez seleccionado o tipo de animal teremos de de descrever a personalidade do (...)
16.Jan.20

As aventuras e loucuras do Loy

espaço da raquel
E tudo o que muda na nossa vida (e ainda bem) quando temos um cão. Por ex. quando andamos a limpar o chão com as franjinhas, vulgo mopa, vulgo aquela cena com que se tira o pó do chão, e os pêlos e mais  alguma coisa  ganha vida própria porque o nosso cão acha que aquilo o vai levar de rojo, e limpar-lhe a alma e começa a ladrar e a saltar como se não houvesse amanhã. O barulho do aspirador é uma outra dimensão, aquilo até parece um avião a jacto na cabeça dos coitados (...)
11.Jun.19

os meus pais, e o meu cão.

espaço da raquel
Toda uma vida a pedir um irmão, por motivos de saúde a minha mãe não pode ter mais filhos, a única coisa belíssima e preciosa que ficou fui eu, fiquei, e fui muito bem criada até aos 20, porque nessa altura comprei a minha primeira casa e blá, blá..lá fui eu à minha vida, é basicamente isto. Agora, e depois de tantos anos, chega o meu cão à família, um cão chamado Loy que esbanja charme por todo o lado, e sabe perfeitamente como encantar tudo e todos com aquele ar de bola (...)
04.Fev.19

As aventuras de um cão chamado Loy

espaço da raquel
Levantar, quem eu? Levanto-me se eu quiser, tu não mandas em mim, pffffffff...!!!! E este é o Loy, alguns de vós já devem conhecer esta figura. Despenteado, com muuuuuuuita vontade própria, ou seja só faz o que ele quer, o que bem entende, e eu não passo da pessoa que o alimenta, lhe dá colo, que o leva ao veteránrio, que lhe dá mimos... em troca fala-me nestes termos. Mas não consigo deixar de amar este peludo, patudo, e tudo o mais que acabe em Amor.