Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

11.Jul.19

Space Oddity, uma música de outro planeta

dez, nove, oito, sete, seis, cinco, quatro, três, dois, um, decolar.... e há 50 anos, o homem pisava pela primeira vez na Lua, e já David Bowie nos tinha presenteado com uma música do outro mundo, "Space Oddity", inspirada no filme de 1968 de Stanley Kubrick, "2001 - Uma Odisseia no Espaço", com o astronauta Major Tom, e mudava toda a sua carreira com "Space Oddity".

A letra de “Space Oddity” foi escrita do ponto de vista do personagem, o austronauta Major Tom, e na letra, a nave espacial do Major Tom é lançada no espaço, enquanto ele comunica com a base de controlo. A história cantada tem um enredo trágico, no qual o Ground Control deixa de conseguir comunicar com o Major Tom, para sempre perdido no espaço. Também há quem relacione a música com a primeira vez que o Homem pisou a Lua, que aconteceu a 20 de julho de 1969, nove dias depois do lançamento de "Space Oddity".

Talvez uma das melhores músicas de todos os tempos. (pelo menos para mim), talvez uma das melhores de David Bowie, seria assim imortalizada como uma música de outro planeta.

A música que se tornou icónica, e ainda hoje quando a ouvimos podemos sentir os diferentes significados que a canção pode assumir dentro de nós, tal como a musica "Ziggy Stardust",  com outro personagem também estrelado.

 

 

4 comentários

teorias absolutamente espectaculares