Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

casas de banho públicas, uma verdadeira odisseia.

Mulheres deste meu belo país, gostava de saber porque é que quando vou a uma casa de banho tenho sempre de estar numa fila enorme, e tão irritante? Hummm, alguém me consegue explicar?

De facto não somos todas iguais mas, se vou à casa de banho, é porque tenho de satisfazer algumas necessidades, e não as posso guardar, do género, ah e tal mais logo resolvo isto…!! Logooooo, é para entrar, fazer, e sair, não é verdade?? É sim, ou melhor, é pelo menos para mim, mas para muitas mulheres parece que a coisa não funciona bem assim. Por isso não entendo porque algumas senhoras demoram horas, se estou aflita, não posso esperar muito numa fila, mas vejo filas, e filas de meninas.

Posto isto o que me resta? aguardar, e bem tento aguentar, mas a impaciência nestes casos tomas conta de nós, e é toda uma “novela”. Olho para todo o lado, olho em redor, olho para o ar, e finalmente vejo uma porta a mexer, e penso, siiim, é agora que despacho o xixizinho, mas não, a menina afinal de contas não sai de lá de dentro…….e eu penso, ai que já não aguento mais, porra mais um bocadinho e faço aqui, aiii, por favor não abram a torneira, agrrrrrr, nãoooo por favor, respiro fundo, e mais uma vez penso, é agora, ela vai sair, é agora (calma Raquel, calma), por favor, acho que vou rebentar, eu só quero ir ao WC , não quero fazer a maquilhagem, nem por gel, ou laca no penteado………..e a espera continua.... mas de repente, e finalmente, a porta de uma casa-de-banho está a abrir, como se fosse a porta do paraíso, de um Jardim do Éden.

Uiiiiii, que maravilha, é desta. Entro, olho para ver se está tudo como manda o “figurino”, se a tampa da sanita está limpa, se tem papel se está tudo minimamente em condições (parece que sim) MAS NÃOOOOO ESTÁ, ora vejamos, desde o fecho da porta estar estragado, e a porta não fechar, despir o casaco, pendurar a mala, e o cabide, não existe, onde penduro a porra da mala? É toda uma saga de movimentos de quase ginástica acrobática, vou buscar papel para forrar o tampo da sanita, e claro, a porra do suporte do papel higiénico está vaziooooooooo, falta papel higiénico, falta, faaaaaaaaaaaaaaaaalta, faço o meu xixi em pose de quase bailarina, e ainda vou buscar á minha mala um lenço de papel, porra, já estou cansada, mas eu só queria fazer um xixi, um só. Vejam bem o que é, é todo um filme. Reparo que tentam entrar na casa-de-banho, grito, está ocupaaaaaaaadaa, enquanto dou um murro na porta para que se volte a fechar, lá consigo terminar mas já feita em fanicos, e tudo isto para ir ao WC, putsssss, saio, dirijo-me para o lavatório para lavar as minha mãos, molho-as, vou buscar sabonete, carrego, carrego e nicles, não há sabonte, claro, não há como havia de sair, volto para a torneira, esfrego bem as mãos, tento tirar papel, e voilá também não há papel para limpar as mãos, bonito serviço, ok, vai de calças, ah, porque aquela maquina para secar as mãos não funciona, limpo as mãos ás calças, e assim acaba a saga da ir á porra da casa de banho.

Sempre pensei que existisse algo de fabuloso, e misterioso no interior dos WC femininos, sei lá, poderia haver promoções de perfumes, sérum para as pontas dos cabelos, maquilhagem, ofertas de toalhetes para limpar os olhos, desmaquilhantes, até coisas misteriosas, mas não, é só mesmo vontade de demorar, e levar com o cheirinho típico das casas de banho, devem sentir-se seguras, ou será pelo aconchego, e clima quentinho que por lá abunda?!

Por favor, abram alas, e deixem-nos passar. Verter águas é necessário, e retê-las faz muita mal aos rins, e à bexiga.

 

Grata

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D