Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

25.Mar.20

O medo dos nossos dias

espaço da raquel
Foi em Março de 2020... As ruas estavam vazias, lojas fechadas, as pessoas não podiam sair. Mas a primavera não sabia, e as flores começaram a florescer, o sol brilhava, os pássaros cantavam, as andorinhas iam chegar em breve, o céu estava azul, a manhã chegava mais cedo. Isto foi em Março de 2020... Os jovens tinham que estudar online e encontrar ocupações em casa, as pessoas não podiam fazer compras nem ir ao cabeleireiro. Em breve não haveria mais espaço nos hospitais, e (...)
11.Mar.20

Consciência Individual

espaço da raquel
Ao que parece o Mundo já está a cobrar os estragos que nós Humanos andámos a fazer, e não foi preciso chegar a 2030...As pessoas têm de ter bom senso e controlar-se, e há regras para cumprir, e o que me parece é que alguns até gozam, não sou dramática, tento não ser, se tenho medo? sim, tenho medo, mas tento não entrar em  alarmismos loucos, ainda mais nesta altura em que é mais do que natural uma pessoas estar mais do que assustada, mas temos de ter cuidado e levar as (...)
28.Fev.20

Lei do Retorno

espaço da raquel
Uma coisa é estarmos preparados para administrar a educação de nossos filhos é a ordem natural da vida, e do seu curso, ouyra bem mais difícil para nós é acompanhar a velhice e a deterioração daqueles que nos deram a vida, os Nossos Pais. O nosso colo de sempre, o nosso porto seguro, o nosso equilíbrio, ou seja sermos agora pais dos nossos Pais.  Acho que é uma fase dolorosa e dura, não considero uma fase triste, eu gosto de ser cuidadora, mas existe uma parte em mim que (...)