Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

liberdade

Liberdade deve ser (não, é, tenho a ceirteza) das palavras mais importantes na vida de um ser humano, é umas das minhas palavras preferidas, e que até aqui defendia a todo o custo....Raios, outros valores se levantam, e não posso "lutar" por ela da maneira que queria, e, quero. 
Neste momento não posso dizer que partilho desta única palavra, que para mim é o que sou, e o que sinto. Liberdade, ser Livre..Mas sonho todos os dias em ser "livre". 
Livre do que me estão sempre a impor, e a querer que entenda e compreenda como sendo a tal "liberdade", e não é , é somente imposição.

Liberdade, é podermos ser o que somos, como nascemos, e como seremos ao longo da vida. E só assim a palavra Liberdade, fará, alguma vez sentido.

 

do less. get more done

aprender a viver mais e melhor com menos.

a vida ensina-nos (às vezes da pior maneira) a prestar atenção e a termos mais cuidado relativamente a muitas situações, pessoas e vivências na nossa vida. infelizmente, aprendi isto nas fases más da minha vida, nas fases em que estive no chão (sendo verdadeira comigo mesma, ainda estou), fases essas em que me é difícil muitas vezes, olhar-me, e reconhecer-me.


a arte de "destralhar a vida, e a mente", consiste em simplesmente nos livrarmos do que é inútil, do que não tem valor, do que não nos faz falta. e será o meu próximo passo para assim conseguir aliviar a minha cabeça de tanta coisa que me faz mal, e me ocupa a mente e o espírito
 

é difícil, mas possível :)))

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D