Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

espaço da raquel

para escrever tudo o que me vier à cabeça, e partilhar cenas daquelas (coiso e tal, e tal e coiso) não me levem muito a sério, tenho mau feitio, mas no fundo sou boa pessoa..... (apesar de não jogar com o baralho todo)

Apeteceu-me divagar!!!!!!

Se a vida fosse só estudar até aos 25 e trabalhar até aos 65. Com que idade é que vivíamos?
 
“As tendências nascem nas ruas”
“As revoluções nascem nas ruas”
“As modas nascem nas ruas”
“E no sofá de casa, pelo que se sabe, só nascem migalhas”.
 
Na vida, temos sempre dois caminhos, de um lado o mais certo, do outro lado o mais divertido. Faz o teu caminho.
 
E já agora, qual escolhem?
 
 
 

Porque parte de todos nós e estamos no limiar do ponto de não retorno!!!

aqui estou eu, já de FÉRIAS, mas com o calor abrasador que se faz sentir, hoje ainda nem tive coragem para sair de casa e decidi dedicar um bocadinho do meu tempo ao meu blog. Hoje em dia, fala-se muito no Aquecimento Global, no estado do Planeta, em secas extremas e em outros pontos do mundo, cheias, coisas que nunca se viu antes nestas alturas, pois é, o tempo está MESMO a mudar. Tenho um amigo meu que está ligado ao ambiente e que me enviou esta pequena lista com alguns conselhos que agora vou partilhar com voçês.
Se seguirmos alguns destes conselhos já estamos a fazer alguma coisa, se seguirmos todos...melhor ainda
"Dez coisas a fazer" - alerta lançado pelo Oceanário para ajudar a combater o aquecimento global:
01 - Mudar uma lâmpada - substituir uma lâmpada normal por uma lâmpada florescente poupa 68 kg de carbono por ano;
02 - Conduzir menos - caminhar, andar de bicicleta, partilhar o carro ou usar os transportes públicos com mais frequência. Poupará 0,5 kg de dióxido
De carbono por cada 1,5 km que não conduzir!
03 - Reciclar mais - pode poupar 1000 kg de dióxido de carbono por ano reciclando apenas metade do seu desperdício caseiro;
04 - Verificar os pneus - manter os pneus do carro devidamente calibrados pode melhorar o consumo de combustível em mais de 3 %. Cada 4 litros de combustível poupado retira 9 kg de dióxido de carbono da atmosfera!
05 - Usar menos água quente - aquecer a água consome imensa energia. Usar Menos água quente instalando um chuveiro de baixa pressão poupará 160 kg de
CO2 por ano e lavar a roupa em água fria ou morna poupa 230 kg por ano;
06 - Evitar produtos com muita embalagem - pode poupar 545 kg de dióxido de carbono se reduzir o lixo em 10 %;
07 - Ajustar o termostato - acertar o termostato apenas dois graus para baixo no Inverno e dois graus para cima no Verão pode poupar cerca de 900
Kg de dióxido de carbono por ano;

08 - Plantar uma árvore - uma única árvore absorve uma tonelada de dióxido d e carbono durante a sua vida;
09 - Seja parte da solução - aprenda mais e torne-se activo em www.climatecrisis.net
10 - Espalhe a mensagem! - incentive os amigos a ver " Uma Verdade inconveniente"

Antes de imprimir este documento, pense se é mesmo necessário. Para produzir 1 tonelada de papel são necessárias 10 a 20 árvores, 10 000 litros de água e 5 MWh de energia.
Em média, por ano, uma família gasta em papel o equivalente ao abate de seis árvores. A protecção do ambiente deve ser uma preocupação de todos nós.

 

10 homens e 1 mulher

Onze pessoas estavam penduradas em uma corda num helicóptero. Eram dez homens e uma mulher. Como a corda não era forte o suficiente para segurar todos, decidiram que um deles teria que se soltar da corda. Eles não conseguiram decidir quem, até que, finalmente, a mulher disse que se soltaria da corda pois as mulheres estão acostumadas a largar tudo pelos seus filhos e marido, dando tudo aos homens e recebendo nada de volta e que os homens, como a criação primeira de Deus, mereceriam sobreviver, pois eram também mais fortes, mais sábios e capazes de grandes façanhas... Quando ela terminou de falar, todos os homens começaram a bater palmas...
 
Nunca subestime o poder e a inteligência de uma mulher...
Comentários?
 

fábulas de La Fontaine

Enviaram-me esta mensagem e não quis deixar de partilhá-la com todos
 
Aproveita  a vida, trabalha e diverte-te em proporção, porque trabalhar demasiado só traz  benefícios nas fábulas de La  Fontaine.

Trabalha, mas desfruta da vida, ela é única. Se não encontras a tua metade da laranja, não desanimes, procura a metade do limão, põe-lhe açúcar, aguardente e gelo e sê  feliz!
 
E lembra-te: viver só para trabalhar faz muito bem.....ao património do Patrão!!
 

dia nacional dos avós

26 de Julho de 2007
 
A todos os avós, deixo um beijinho especial por este dia.
 
Aos meus, infelizmente já ausentes, deixo um abraço com muito amor e muita saudade. Que Deus vos dê paz e descanso eterno.

alguns motivos pelos quais os homens gostam tanto de nós:

1 - O cheirinho delas é sempre bom, mesmo que seja só do champô.
 
isso é verdade

2 - O jeito que elas têm para encontrar sempre o lugarzinho certo, onde repousar, no nosso ombro.
 
sim, sim

3 - A facilidade com a qual cabem nos nossos braços.
 
somos maneirinhas

4 - O jeito que têm para nos beijar e, de repente, fazer o mundo ficar perfeito.
 
um beijo, é sempre um beijo

5 - Como são encantadoras quando comem.
 
pois......

6 - Elas levam horas a vestir-se, mas no final vale a pena.
 
pelo menos é isso que eu oiço sempre

7 - Porque estão sempre quentinhas, mesmo que estejam trinta graus abaixo de zero lá fora.
 
bem, até agora estava a correr tudo muito bem, comigo isso não é bem assim

8 - Ficam sempre bonitas, mesmo de calças de ganga, camisa e rabo-de-cavalo.
 
SIM, SIM

9 - Têm um jeito subtil de pedir um elogio.
 
certo e é quase impossível não o recebermos

10 - Ficam lindas quando discutem.
 
não sei porque, mas a maior parte dos meus amigos diziam-me isso, se calhar é mesmo verdade

11 - A forma que têm para encontrar sempre a nossa mão.
 
a mão do Rui, não há melhor

12 - O brilho nos olhos quando sorriem.
 
é tão bonito, não é?

13 - Ouvir a mensagem delas no voice mail logo depois de uma discussão horrível.
 
oh lá, isso é mais difícil.....

14 - O jeito que têm de dizer "Não vamos discutir mais, está bem?...", embora saiba que dali a uma hora...
 
a intenção é que conta

15 - A ternura com que nos beijam quando lhes fazemos uma delicadeza.
 
sim, somos mesmo assim, dengosas

16 - O modo de nos beijarem quando dizemos "eu amo-te".
 
é o amor, existe melhor coisa do que o amor?

17 - Pensando bem, só o modo de nos beijarem já basta.
 
boa, essa é uma das melhores

18 - O modo que têm de se atirarem aos nossos braços quando choram.
 
buááááá........

19 - O jeito de pedir desculpas por terem chorado por alguma parvoíce.
 
com muita vergonha e a soluçar

20 - O facto de nos darem uma chapada e acharem que vai doer.
 
bolas, assim não, ai a minha vida, essa parte já não gosto

21 - O modo como nos pedem perdão quando a chapada dói mesmo (embora jamais admitamos que doeu).
 
............................

22 - O jeitinho de dizerem "estou com saudades".
 
somos queridas e outras vez dengosas

23 - As saudades que sentimos delas.
 
assim esperamos

24 - A maneira como as suas lágrimas nos fazem querer mudar o mundo para que mais nada lhes cause dor.
 
como eu já senti isso......

as mulheres são importantes. lembrem-se!
 
e lembrem-se também que existem homens que fazem de tudo para nos verem felizes.

"vingança"

Ela passou o primeiro dia empacotando todos os seus pertences em caixas, engradados e malas.
No segundo dia, ela chamou os homens da transportadora que levaram a mudança.
No terceiro dia, ela se sentou pela última vez na bela mesa da sala de jantar, à luz de velas, pôs uma música suave e se deliciou com uns camarões, um pote de caviar e uma garrafa de Chardonnay.
Quando terminou, foi a cada um dos aposentos e colocou alguns pedaços de casca de camarão besuntados com caviar nas cavidades dos varais das cortinas. Depois ela limpou a cozinha e se foi.  
Quando o marido retornou com a nova namorada, tudo estava um brinco nos primeiros dias.
Depois, pouco a pouco, a casa começou a feder.
Eles tentaram de tudo: limpando, lavando e arejando a casa.
Todas as aberturas de ventilação foram verificadas à procura de possíveis ratos mortos, e os tapetes foram limpos com vapor.
Desodorantes de ar e ambiente foram pendurados em todos os lugares.
A empresa de combate a insectos foi chamada para colocar gás em todos os encanamentos. O serviço levou dias para ser concluído. Durante esse período eles tiveram de sair da  casa e no fim ainda tiveram de pagar para  substituir o caríssimo carpete de lã.
Mas nada funcionou!
As pessoas pararam de visitá-los...
Os funcionários das empresas de consertos se recusavam a trabalhar na  casa...
A empregada se demitiu...
Finalmente, eles não suportavam mais o fedor e decidiram se mudar.  
Um mês depois, apesar de terem reduzido o valor da casa em 50%, eles não conseguiram um comprador para a casa fedorenta.
A notícia se espalhava, e nem mesmo corretores de imóveis locais retornavam as ligações.
Finalmente, eles tiveram de fazer um grande empréstimo do banco para comprar uma casa nova. 
A ex-esposa ligou para o marido e perguntou como andavam as coisas. Ele disse a ela o martírio da casa podre.
Ela escutou pacientemente e disse que sentia muitas saudades da casa antiga e que estaria disposta a reduzir a parte que lhe caberia do acordo de separação dos bens em troca pela casa...
Sabendo que a ex-mulher não tinha ideia de como estava o fedor, ele concordou com um preço que era cerca de 1/10 do que valeria a casa... Mas só se ela assinasse os papéis naquele dia mesmo.
Ela concordou e, em menos de uma hora, os advogados deles entregavam os documentos. 
Uma semana depois, o homem e sua namorada assistiam, com um sorriso malicioso, os homens da mudança empacotando tudo para levar para a sua nova casa... incluindo os varais das cortinas.

Pág. 1/4

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D